AVISO SOBRE O CONTEÚDO DO BLOG

Todo o conteúdo aqui postado no blog deve ser estudado para que exista uma possível conclusão do leitor, por isso não deve ser levado como de todo verídico.
Com estudo e discernimento dos assuntos postados é que se chega a uma possível conclusão.
Minha missão com este blog é de levantar o véu e dispor de assuntos interessantes e questionáveis.

sábado, 2 de fevereiro de 2013

QUATRO DE OUROS



O SONHO

Esta jovem filha de Midas trabalhou sozinha para obter seus ganhos materiais. A quantidade impressionante de diamantes e outras pedras preciosas e tecidos que estão transbordando ao redor dela foi conseguida graças a uma boa administração e excelente capacidade de por as coisas no que ela acha que é a ordem certa; com as conveniências em primeiro lugar! Ela está retirando da caixa de jóias e apertando contra o perito aqueles sinais visíveis do que conseguiu, mas parece que não há nenhuma felicidade refletida nesse rosto, que está pensativo, talvez até ansioso. Será que ela ouviu algum ruído de passos, ou uma porta se abrindo? Alguém estaria vindo roubar aquela sua riqueza? ou será que ela está pensando que aquilo não é suficiente e é preciso ganhar mais? Por medo e ambição, ela vais se tornar prisioneira da própria mania de posse. Vai levar uma vida solitária em que a força dominante serão os objetos materiais.

O DESPERTAR

Aqui, a lição a ser aprendida é que não se pode obter força real com muita riqueza. Os ganhos materiais não satisfazem a sua necessidade de segurança neste mundo em mutação, porque a segurança verdadeira vem de dentro. Você precisa refletir na qualidade do que você preza e no que você mesmo vale, pois trata-se de coisas preciosas que não podem ser tiradas de você, só podem ser dadas pelos seus próprios pensamentos e atos. Fique em guarda contra o egoísmo e a superproteção. Por mais lindos que sejam, os seus bens materiais nem sempre conseguem trazer felicidade.

O ENCANTAMENTO

Diga bem alto: "Eu (seu nome) agora estou me libertando da ambição e da suspeita. Vou usar o que tenho para o bem de todos, sem segurar para mim o que não posso usar, a fim de deixar espaço para a entrada de coisas novas na minha vida, de uma forma adequada e justa". Saiba que o seu êxito não precisa tirar nada de ninguém. No universo há riqueza suficiente para todos compartilharem.

texto extraído do livro Tarô Encantado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pela visita, deixe o seu comentário, todas as opiniões construtivas são válidas.