AVISO SOBRE O CONTEÚDO DO BLOG

Todo o conteúdo aqui postado no blog deve ser estudado para que exista uma possível conclusão do leitor, por isso não deve ser levado como de todo verídico.
Com estudo e discernimento dos assuntos postados é que se chega a uma possível conclusão.
Minha missão com este blog é de levantar o véu e dispor de assuntos interessantes e questionáveis.

domingo, 20 de novembro de 2011

DOIS DE ESPADAS




O SONHO

No céu noturno, as nuvens se bifurcam quando surge uma figura que traz uma pluma branca à guisa de bandeira de trégua. Um dos pés dela está pousando na pétala central da flor que está um pouco abaixo; é um ponto em que talvez ela se desequilibre, mas só por um instante. A figura está fazendo uma pausa curta, esperando que as nuvens se juntem de novo. Agora que o conflito diminuiu, ela chegou a este lugar sagrado para refletir no que aconteceu. A paz voltou, mas ainda resta uma certa tensão entre as espadas levantadas. Haverá um novo impasse, ou será que tudo vai se equilibrar? Agora está soprando uma brisa que afasta toda a sensação deixada pelo confronto recente que dividiu tanto as nuvens como as espadas. A figura delicada parece diplomática, sem nenhum traço de crítica. A lua, símbolo da deusa que cuida de todos, agora está lá em cima, contemplando tudo pacificamente. É dificil atingir esse equilibrio, mas é possível chegar a uma harmonia simplesmente deixando a mente tranquila e calma, a fim de deixar tempo para uma consideração madura.

O DESPERTAR

Talvez você esteja em guarda para evitar que o tempo gasto em contemplação seja um periodo de impasse ou adiamento, mas trata-se de um tempo destinado a considerar os pontos de vista dos outros. Fazer concessões é a alma da diplomacia, e há muita coisa que não pode ser obtida por agressão, mas sim com diplomacia. Talvez você não tenha todas as peças do quebra-cabeças, mas, por enquanto, deixe as coisas como estão.

O ENCANTAMENTO

Quando estiver desorientado ou sentir que sofreu uma injustiça, repita estas frases tantas vezes quanto for necessário: "Tenho fé em que o equilibrio vai ser recuperado e que a minha resposta vai chegar quando eu estiver preparado. Estou em paz comigo mesmo. Não há nenhuma necessidade de lutar agora. No devido tempo, a Justiça será feita".

texto extraído do livro Tarô Encantado.

domingo, 13 de novembro de 2011

AS DE ESPADAS




O SONHO

Sob o céu cor-de-anil do reino do Ar, as forças da verdade e da justiça acabaram de triunfar. A espada erguida transmite a mensagem que diz que a adversidade e a dúvida podem ser conquistadas pelo esforço. O elemento do naipe de Espadas é o Ar ou elemento das idéias; esta vitória também representa o poder que a mente tem, de prevalecer sobre a incerteza. Vinte e duas borboletas simbolizam que todos os recursos se uniram para atingir o pináculo da espada. (Na arte da Numerologia, vinte e dois é um número sagrado; nos Arcanos Maiores há vinte e duas cartas.) As luas minguante e crescente que há na base e na ponta da espada indicam que está começando uma fase de ação completamente nova: é uma fase de expansão. A borboleta maior que há na parte inferior da carta simboliza a capacidade que as idéias tem de se deslocar no Ar. Nos cantos há quatro escudos que representam a proteção dada pelas forças mentais. Por trás da espada há uma forma que faz lembrar outra espada; é a forma unificadora que aparece como fundo em todas as cartas do naipe de Espadas.

O DESPERTAR

Estabeleça metas de longo prazo e inicie-as imediatamente. Talvez seja preciso destruir alguma coisa para eliminar outras inúteis, mas não use força nem manipulações. Se usar será determinado pelo carma, ou lei de causa e efeito. Esta carta pode ser encarada como uma espada de fio duplo, que tanto pode atacar como defender. Concentre-se em princípios, não na forma.

O ENCANTAMENTO

comece um projeto novo com esta prece: "Anjo do reino do Ar; Tua espada de fogo arrasa os meus inimigos e tua verdade afasta as sombras da dúvida. Ajuda-me a ter coragem e a triunfar hoje e amanhã".

texto extraído do livro Tarô Encantado

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

REI DE PAUS




O SONHO

O Rei deste reino flamejante é o parceiro perfeito da Rainha que tem. Também adora caçadas no campo e esportes vigorosos como ela. Tem ainda mais segurança de ter convicções sempre certas. É uma pessoa um pouco mais amadurecida e respeita muito as tradições e a vida familiar. É um autocrata benevolente e só procura dominar os outros porque tem certeza de saber o que é melhot para todos. Nem por isso deixa de ser o típico senhor rutal, sempre leal e generoso com todos que aprecia. Na verdade, despreza todo tipo de mesquinhez, mediocridade e falta de generosidade. O sol dourado que está brilhando atrás dele simboliza energia masculina e dinamismo, e as borboletas que pairam dos dois lados representam lampejos de intuição. É orgulhoso, e as vezes parece arrogante ou exaltado, coisas que o levam a jogar e arriscar. Apesar dessas aberrações momentâneas, é um homem nobre, honesto e digno de confiança.

O DESPERTAR

Do mesmo modo que o Rei de Paus, no que se refere a poder e orgulho, você está desenvolvendo a arte de agir. Não se lance impulsivamente nas situações e conseguirá lidar com muitas ao mesmo tempo e ter bons resultados. Adote uma abordagem cordial e confiante e vá em frente como um líder decidido. Fique ciente de que a entrada de um Rei de Paus numa leitura pode significar que, brevemente, uma pessoa com as qualidades dele vai entrar na sua vida.

O ENCANTAMENTO

Dê-se uma recompensa indo para o campo quando o sol estiver brilhando. Se for inverno, sente-se a uma janela por onde a luz do Sol possa penetar. Sinta a energia daqueles raios que são a fonte de todo tipo de vida. Faça alguma atividade recreativa que aprecia e sabe fazer bem, como por exemplo jogar com um membro da família. Antes de começar, pense no Rei de Paus e nas qualidades que fazem dele o que é. Ele lha dará energia e capacidade de fazer o que houver de melhor e desfrutar o prazer do sucesso, como acontece com a realeza.

texto extraído do livro Taro Encantado.

NIGHTWISH - FOREVER YOURS